Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Abrigo das letras

Abrigo das letras

Desafio passa-palavra-Amarelo, a cor da Luz

Por vezes me perguntam qual é a minha cor preferida! isso leva-me a meditar um pouco sobre as cores, porque gosto de todas as cores cada qual no seu contexto; um mar de um azul profundo, tão profundo que enternece a alma; uma campo de trigo em crescimento tão verde que eleva a esperança desvanecida; as florinhas roxas das ervas selvagens que crescem desalinhadas em qualquer beira da estrada... e os vermelhos, laranjas e amarelos que se misturam num belíssimo raiar ou pôr do sol, que nos deslumbram em cada começo ou final  do dia e nos lembram de dar graças por nos permitir usufruir do dom da Vida!

Luz.JPG

As cores dão sentido à vida, mas o amarelo é a cor da Luz, do sol, da lua e da mantinha que fizeste para aquecer o teu bebé quando ainda só o sentias mas não o conhecias, por isso, escolheste o amarelo por ser uma cor tão suave como suave seria o teu bebé!

 

Os milagres da medicina

Através das noticias ficamos a saber do milagre que a medicina concedeu à familia do bebé que nasceu quatro meses depois da sua mãe ter sido dada como morta cerebral. Este bebé nunca conhecerá a sua mãe, mas ficará para a história como sendo o primeiro bebé a desenvolver-se no ventre de uma mãe onde só o coração bate, durante tanto tempo. O maior periodo de tempo conseguido até agora.

 

A medicina realmente consegue milagres que em outros tempos eram impenssáveis de conseguir. Bem haja o avanço da medicina e também todos os fundos que são investidos na investigação para que estes feitos sejam conseguidos!

Delícia de Amêndoa

bebe.jpg

 

 

Nomes e números

Numa conversa de amigos, alguém levanta a questão do porquê dos nomes. Porquê que todos os homens, animais, objetos e actos têm um nome? Deus quando criou o homem deu-lhe o nome de Adão, criou a mulher e deu-lhe o nome de Eva, deu ainda nome a todos os animais da terra. Como identificariamos as pessoas, animais e coisas se não tivessem nomes? Não conseguiriamos, assim os nomes são o meio que serve para tudo identificarmos. Nós os humanos temos um nome, o nosso nome, temos também um número, quando nascemos ainda antes de termos o nosso nome em registo, já temos um número, somos o bebé número tal numa determinada maternidade, somos também o bebé número um, dois ou três que nasceu naquele dia, ou o primeiro bebé do ano.

 

Depois, temos um número cidadão que nos identifica em qualquer parte do mundo, somos um número  de utente na segurança social, o contribuinte nas finanças, o condutor na carta de condução, e ainda somos um número em bibliotecas,  vidioclubes, em serviços de telecomunicações, água, luz, gás etc. Resumindo, o nosso nome serve para associar uma catrefa de números que passam a gerir a nossa vida.

 

Para muitas entidades e instituições o número é mais importante, já que com o número é mais fácil de identificar as pessoas do que com o nome. Os números são importantes mas não podem ser mais importantes que as pessoas. Quando as pessoas se transformam em números, a vida é desvalorizada.

 

O nosso nome é importante, todos gostamos de o ver associado a feitos importantes ou interessantes. Mesmo que não seja um nome bonito, é o nome que os nossos pais escolheram para nós.

 

Na conversa de amigos tentava-se ver quais eram os nomes mais bonitos ou mais apropriados para dar aos bebés, a nenhuma conclusão se chegou, já que todos têm gostos diferentes!

nomes.jpg