Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Abrigo das letras

Abrigo das letras

Símbolo perdido, a minha última leitura

 O Símbolo perdido de Dan Brown, foi a minha última leitura, é um livro com algum grau de suspensse. Esse suspense acontece quando o próprio filho de Peter Solomon, transformado e completamente tatuado, excepto uma pequena zona no alto da cabeça que ele deixou para o fim, para a altura do sacrifício, altura essa em que coloca o pai entre a espada e a parede. Mal`Akh identifica-se ao pai Peter Solomon, como sendo o seu filho, aquele que dez anos atrás, ele, o pai também o obrigou a fazer uma escolha difícil... Não digo mais nada.

É um livro muito ao estilo de Dan Brown, de suspense, drama e mistério.

osimboloperdido.jpg

 Chamado por seu amigo Peter Solomon para dar uma palestra em Washington, Robert Langdon viaja até a capital americana, mas ao entrar no palco para iniciar a palestra descobre que tudo aquilo foi uma forma de atraí-lo até ali para iniciar uma busca por um antigo portal místico que tornaria possível a Apoteose. Robert vê-se então forçado a colaborar com Mal`akh, vilão que esquematiza todos os passos de Langdon para que este decifre e revele o segredo da Pirâmide Maçônica, para que assim Mal`akh tenha acesso ao poder prerrogado pela lenda dos Antigos Mistérios. No desenrolar da trama Robert recebe ajuda de Katherine Solomon, irmã de Peter que está sendo mantido refém pelo vilão da história. Katherine é uma pesquisadora de um novo ramo da ciência, a Noética. Juntos vão decifrando os segredos escondidos na Pirâmide e se aproximando cada vez mais do grande Símbolo Perdido, palavra que quando entendida daria ao homem um poder sobre-humano.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.