Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Abrigo das letras

Abrigo das letras

Não posso me enganar a mim própria!

Não sei se é só comigo que esta impressão acontece ou se é à generalidade das pessoas!

Assola-me uma impressão estranha, como se tudo de repente tivesse voltado ao normal, eu sei que ele continua a andar por aí, as notícias bem nos indicam e e nos alertam para que não tenhamos ilusões, ele anda por aí, disfarçado mas anda, não se foi embora. No entanto, talvez seja porque as notícias são mais animadoras, porque já se vê mais pessoas na rua, porque algum comércio já vai abrir....e posso ir cortar o cabelo, ou porque foi levantado o estado de emergência...  tudo isto dá uma falsa sensação de liberdade e segurança, mesmo sabendo que se passou de estado de emergência para estado de calamidade. Posto isto,  penso que até vai ser necessário ter muito mais cuidado agora, uma vez que o pessoal vai todo sair para a rua, e nem todos vão ter o bom senso e paciência de usar as devidas medidas de precaução como o distanciamento social, as máscaras, luvas e desinfecção das mãos, e se estiverem com esta mesma sensação que eu, que tudo de repente parece ter ficado bem, então rezemos para que tudo corra mesmo bem e não haja necessidade de dar um passo atrás.

Não me posso enganar a mim própria, digo para mim mesma, e o mesmo sugiro a quem ler estas linhas, não se enganem a vós próprios, vamos ter que conviver com ele, por isso é bom que não facilitemos, por mim vou continuar com a rotina que adquiri nestes últimos dois meses, ou seja sair só quando estritamente necessário!

pinturas.jpg

 

 

 

2 comentários

Comentar post