Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Abrigo das letras

Abrigo das letras

Dia das mentiras

Na semana passada, numa estrada altamente perigosa de França aconteceu aquilo que ninguém queria que acontecesse, aconteceu aquilo que julgamos que "só acontece aos outros" esquecemo-nos sempre que os outros somos nós.

 

Quando uma tragédia destas acontece, as pessoas mais próximas das vitimas, inicialmente não acreditam naquela realidade, é uma mentira, um pesadelo do qual se vai acordar e não vai passar apenas de um pesadelo, de uma mentira

 

A realidade aparece "nua e crua" e os factos vão surgindo cada vez com mais nitidez à medida que as horas se vão desenrrolando. O pesadelo torna-se tão real que abre uma ferida do tamanho de uma vida. Embora o sol brilhe, não se consegue ver a sua luz, o espirito está demasiado atordoado, os músculos estão rígidos, tensos demais....

 

 Poderia ter sido tudo uma mentira, seria uma mentira demasiado cruel, mas não foi uma mentira. A realidade vai acompanhar os familiares e amigos das vitimas para o resto ndas suas vidas!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.