Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Abrigo das letras

Abrigo das letras

Desculpas evitam-se não se pedem

26.07.16 | Maria Flor

É verdade, as "desculpas evitam-se não se pedem". Porém, quando não se conseguem evitar é de boa educação pedi-las. Existem mil e uma situações em que se podia evitar o pedido de desculpas, bastava para tal andar mais atento às coisas, aos horários, mais atento ao que se está a fazer para evitar deste modo criar situaçãoes embaraçosas que se podiam ter evitado com um mínimo de esforço.

 

No mais profundo do íntimo sabia que aquilo ia dar chatice, mesmo assim, descuidou e não fez ou retificou aquilo que sabia precisar de revisão, descuidou, deu chatice, depois amargamente obteve uma reclamação que teve que engolir em seco e apresentar um pedido de desculpas, mas o mal estava feito, já não se podia voltar atrás, o pedido de desculpas apenas serviu para a atenuar uma situação que podia perfeitamente ter evitado, a má impressão causada jamais se vai apagar como quem apaga um risco com uma borracha, (nem o risco do carro se apaga com uma borracha) quanto mais uma marca deixada no interior de uma pessoa.

 

Aprendeste com o erro? certamente que sim. Irás andar mais atenta? creio que sim....

 

Por vezes é assim, aprende-se com os erros, aprende-se da pior maneira, mas aprende-se e essa é única coisa positiva que se tira dos erros que gostaríamos de apagar, mas esses erros não se podem apagar até porque eles trouxeram consigo um conjunto de aprendizagens.

 

Nem todas as pessoas estão dispostas a aprender com os erros, nem todas as pessoas admitem que erraram mesmo estando claro como água que foi erro, assim, essas pessoas jamais aprenderão com os erros, simplesmente se recusam a aprender, continuarão a pensar que são génios e que nunca erraram e jamais irão errar!

1.jpg

 Todos os dias aprendemos algo de novo! 

8 comentários

Comentar post