Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Abrigo das letras

Abrigo das letras

Um grande senhor da música!

30.11.17 | Maria Flor

Zé Pedro era um artista e um senhor. Estava sempre bem disposto, fazia questão de ajudar os outros e tinha uma alma generosa que aceitava as diferenças nas maneiras de falar, viver e fazer música. O Zé Pedro era bem educado e sorridente. ( palavras de Miguel Esteves Cardoso) mas que pode ser de qualquer um de nós!

 Um grande senhor da música que nos deixou, o mundo da música fica mais pobre!

Os sapatos novos

28.11.17 | Maria Flor

Entrou na sapataria com um objetivo, precisava de uns sapatos elegantes mas discretos e confortáveis, não podiam ser muito altos, a sua coluna não permitia grandes aventuras com sapatos, não podiam ser muito estreitos à frente, as unhas dos seus pés eram um pouco complicadas, mas precisava de uns sapatos elegantes, a ocasião onde se destinavam a ser usados assim o exigia. Habituada a andar sempre de calçado quase raso ou com dois ou três centímetros de altura, agora não podia comprar qualquer coisa, tinha que ser algo com que pudesse caminhar e também dançar sem problemas nos pés ou na coluna. Assim, percorreu com os olhos as prateleiras da sapataria com sapatos elegantes, não queria botas.

Aquela loja não tinha nada daquilo que pretendia, saiu, entrou na seguinte, experimentou um, outro e outro par, parecia que nada a satisfazia, uns ficavam apertados, outros eram largos, estava dificil a decisão. Não queria de modo nenhum comprar uns sapatos para ficarem arrumados na prateleira por não conseguir usar, para isso já lá existiam alguns do tempo em que podia usar saltos altos e que não tinha coragem de se desfazer deles. Tinha paixão por sapatos mas gostava de os usar todos.

Após algum tempo de experimentar uns e outros, dirige-se á prateleira e retira um par para o qual tinha olhado assim aque lá chegara mas que achara que não era aquilo que queria, exerimentou e o pé encaixava na perfeição, calçou o outro e caminhou um pouco, sim, são estes que vou levar, acabou por concluir que aquela era a melhor escolha, pronto, levo estes!

Já em casa voltou a calçar os sapatos mas após alguns minutos de caminhar com eles aquela malvada unha, começou a manisfestar-se, a reclamar, decidiu então que tinha que os alargar um pouco antes de os usar na rua e calçou umas meias mais grossas, enfiou os pés lá dentro e andou assim com os pés em sofrimento durante algum tempo, mas resultou, os sapatos alargaram um pouco e a unha já se sente bem lá dentro, estão prontos para sair á rua!

O que uma mulher sofre para andar elegante!!!!! Homens não têm problemas com sapatos...... nem precisam de os colecionar.....

alargar-sapatos.jpg

 (Imagem da net)

 

Pobre gato

17.11.17 | Maria Flor

Saiu de casa e com alguma pressa pegou no carro e se fez à estrada, poucos metros tinha ainda andado quando, assim do nada, um bichano surge e se atravessa na frente do seu carro, não teve tempo para nada. Quando olhou o retrovisor viu o gatito mexer-se e atarantado tentar levantar-se.

Encostou o carro na berma da estrada e saiu para verificar se tinha magoado o coitado. Na realidade quando chegou ao sítio não havia vestigios nem de gato nem de qualquer ferimento. Pensou, felizmente que nada aconteceu ao bicho, mas que levou um susto valente, lá isso levou. 

Voltou a entrar no carro e pelo caminho foi pensando no pobre animal, será que ficou ferido e conseguiu fugir dali, pode ter uma perna partida ou qualquer outra parte do corpo magoada, mas como saber? Costuma-se dizer que os gatos têm sete vidas, este provávelmente agora só tem seis porque esteve muito perto de perder uma.

Os gatos são uma "fofura", jamais faria mal a um gato propositadamente, não são raras as vezes que os vê desfeitos na estrada e se compadece sempre, sabe que existem pessoas que o fazem de propósito. Muitas vezes não há como evitar, eles se atravessam na frente, surgindo do nada no momento menos propício.

Vamos lá "gatitos" tenham mais cuidado com vocês mesmos ...... 

gatos.jpg

 

S. Martinho

11.11.17 | Maria Flor

No dia de "S. Martinho vai á adega e prova o vinho", toda a vida ouvi este provérbio!

Hoje deu-me para reeditar um post que publiquei há um ano atrás, este .

 

E as castanhas porquê?

 

O dia de São Martinho é festejado um pouco por toda a Europa, mas as celebrações variam de país para país. Em Portugal é tradição fazer-se um grande magusto, beber-se água-pé e jeropiga. Esta é também uma altura em que se prova o novo vinho, por isso o provérbio faz sentido!

S. Martinho.jpg

 

Acenda a lareira se tiver frio

05.11.17 | Maria Flor

Mesmo que o dia esteja cinzento, mesmo que a chuva caia, mesmo que haja relâmpangos, mesmo que o vento sopre e a arajem seja fria, e os dias sejam pequenos, ainda assim tire o melhor partido de tudo isto e tenha um excelente  domingo!

Saia de casa e vá dançar, ou:

Embrulhe-se numa manta e assista a um bom filme;

Recoste-se no sofá e leia um bom livro;

Mantenha uma conversa animada com um amigo;

Reúna a família e conviva;

Prepare cházinho e bolos e faça um bom lanche.... e, se tiver frio, não se esqueça, acenda a lareira!

bom domingo.jpg

 

A tão esperada chuva

04.11.17 | Maria Flor

Quase já me esquecia como era ouvir os sons das pingas de água a cair do beiral do telhado e a estatelar-se nas escadas de mármore, a água a correr pelo pátio como um rio. 

Tinha saudades de abrir um chapéu de chuva, de sentir umas pingas a cair no cabelo e molhar os sapatos, tinha também saudades de ouvir uns trovões e ver os relãmpagos, tudo isso aconteceu hoje. Agora, saio à rua e sinto o cheiro da terra molhada, sinto a pureza do ar e sinto a rua lavada dos pós. Não importa se sujo os sapatos na lama, não importa se apanho chuva no cabelo e na roupa, ou se o chapéu de chuva parte uma vareta, não importa nada disso, sinto felicidade por ver a chuva cair!

chuva-2.jpg

 

Grata pela surpresa

03.11.17 | Maria Flor

Surpresa é algo que nos acontece e que não estamos à espera, isto toda a gente sabe. Uma surpresa boa tem um efeito agradável na pessoa que é surpreendida, esse efeito transmite felicidade e pode até elevar a auto estima de alguém, depende da matéria, objecto da surpresa que tanto pode ser material como sentimental. Ontem fui premiada pela equipa do Sapo, confesso que para mim  foi uma grande surpresa ao abrir o blog e perceber que estava nos destaques com este post e mais tarde, ainda mais surpresa fiquei quando percebi que estava também nos mais lidos.

Sou apenas uma pequenina aspirante a blogger, por vezes faço grandes pausas, muitas vezes me falta a inspiração, algumas vezes me falta o tempo e outras me falta a disposição.

Após uma grande ausência, ser premiada na "reentré" é fantástico, eleva a auto estima e incentiva a continuar. Fiquei feliz, e estou agradecida.

surpresa.jpg

 

Bem vindo Novembro e que tragas alguma chuva!

02.11.17 | Maria Flor

É o segundo dia do mês de Novembro, sim, chegamos a mais um Novembro, recordo aqui um post que publiquei há cerca de um ano quem sou eu . Hoje quero acrescentar mais um pouco sobre a mulher que sou e sobre o que a vida me ensinou.

- Nada acontece por acaso, nenhuma pessoa passa pela nossa vida sem deixar uma marca, boa ou má, uma impressão ou uma marca fica. Essa marca tem um sentido, é preciso saber descobri-lo e, de uma forma ou de outra aprendemos algo com isso, só é preciso estar atento.

- "hoje" aprendi que preciso das pessoas e que as pessoas precisam de mim, que todos precisamos uns dos outros, que somos mais felizes se dermos felicidade aos outros!

Bem vindo novembro

novembro.jpg

 

 

 

 

 

Pág. 1/2