Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Abrigo das letras

Abrigo das letras

Encontrei isto a passear na calçada

Encontrei isto nas pedras da calçada, pareceu-me uma "carocha" mas fiquei intrigada, por isso a fotografei e fui pesquisar que tipo de inseto é este. Cheguei à "brilhante" conclusão que é este o bicharoco que anda a matar as palmeiras em Portugal.

 

Este "fofinho nojento" entrou em Portugal há sete anos, começei a notar os estragos dele na minha zona há cerca de três ou mais anos, as palmeiras começaram a morrer, o mal começa a aparecer pelas folhas de cima que lentamente vão perdendo a vitalidade e descaindo, o que se alastra a todas as folhas fazendo lembrar aqueles chapés de sol nas terras quentes de África.

 

Não sabia o que é que se estava a passar com as palmeiras até que alguém me disse que era uma praga de escaravelhos que tinha aparecido e que era responsável por isto. Cada vez via mais palmeiras a morrer em todos os quintais, nunca me tinha interessado em pesquisar sobre o tal escaravelho, até que vi isto a passear nas pedras da calçada e fiquei intrigada.

 

Pensava eu que os escaravelhos eram só aqueles bichinhos mais pequenos que apareciam na rama das batatas enquanto elas estavam na terra, segundo a pesquisa que fiz, afinal há muitas raças de escaravelho e esta faz estragos bem avultados a matar árvores de grande porte, até árvores centenárias!

DSC06093.JPG

 Para o escaravelho, as palmeiras são alimento para quatro ou cinco meses, o tempo que o insecto demora a desenvolver-se. Cada fêmea põe 200 a 300 ovos. Uma palmeira pode albergar até 1000 indivíduos prontos a voar – e podem voar durante cinco a dez quilómetros sem parar, contra o vento.